Pages

quinta-feira, junho 11, 2009

O segredo da flor de ouro: um livro de vida chinês - C.G. Jung e R. Wilhelm


Imagem

Sinopse

Em fins de 1929 C. G. Jung e o sinólogo Richard Wilhelm publicaram O Segredo da Flor de Ouro, um livro de vida chinês (Dornverlag, Munique). O livro continha a tradução de um velho texto chinês, Tai I Ging Hua Dsung Dschi (O Segredo da Flor de Ouro), com seus próprios esclarecimentos e um comentário "europeu" de Jung. Anteriormente, no mesmo ano, os dois autores haviam publicado na Europäischen Revue V: 2/8 (Berlim, novembro) pp. 530-542, uma versão resumida do mesmo livro, sob o título de Dschang Scheng Schu: a arte de prolongar a vida humana, título alternativo da Flor de Ouro. No dia 10 de maio de 1930, Jung pronunciou em Munique um discurso comemorativo da morte de Richard Wilhelm, falecido a 1~ de março. Seguiram-se várias edições e em 1957 foi publicada uma quinta edição, completamente refundida (Rascher, Zurique), contendo um texto adicional de Liu Hua Yang, Hui Ming Ging: Livro da Consciência e da Vida, com prefácio de Salomé Wilhelm, viúva do sinólogo. Novas edições apareceram em 1965 (Rascher, Zurique) e 1974 (Walter, Olten). O "Necrológio de Richard Wilhelm" feito por Jung encontra-se em: Ges. Werke XV (1971). Nosso texto, diz C. G. Jung, promete "revelar O Segredo da Flor de Ouro, do grande Uno". A flor de ouro é a luz, e a luz do céu é o Tao. A flor de ouro é um símbolo mandálico que encontrei muitas vezes nos desenhos de meus pacientes. Ela é desenhada a modo de um ornamento geometricamente ordenado, ou então como uma flor crescendo da planta. Esta última, na maioria dos casos, é uma formação que irrompe do fundo da obscuridade, em cores luminosas e incandescentes, desabrochando no alto sua flor de luz (num símbolo semelhante ao da árvore de Natal). Tais desenhos exprimem o nascimento da flor de ouro, pois, segundo o Hui Ming Ging, a "vesícula germinal" é o "castelo de cor amarela", o "coração celeste", os "terraços da vitalidade", o "campo de uma polegada da casa de um pé", a "sala purpúrea da cidade de jade", a "passagem escura", o "espaço do céu primeiro", o "castelo do dragão no fundo do mar". A Editora Vozes iniciou em 1977 a publicação dos 18 tomos das Obras Completas de C. G. Jung (1875-1961), uma das mais vigorosas expressões da ciência contemporânea. Embora discípulo e grande admirador da obra do mestre Freud, Jung seguiu seu caminho próprio. Elaborou um método próprio e avançou posições que não se constituem em apenas complementações da visão freudiana, mas sim alternativas muito bem fundamentadas. A partir das próprias experiências interiores refez conceitos sobretudo do inconsciente, reinterpretou os arcaicos mitos da humanidade e revalorizou o fenômeno religioso e místico como uma das manifestações mais transparentes das profundezas do inconsciente coletivo. Toda esta riqueza está agora ao alcance dos estudiosos brasileiros, numa tradução trabalhada com esmero e amadurecida na pesquisa.

Imagem

Um comentário:

Jônatas disse...

Agradecimentos são poucos diante de sua ajuda!

Divulgue seu produto ou serviço de maneira rápida, objetiva e eficiente no BLOG do FELIPE.


Publique seu anuncio, produto,serviço etc... em nosso BLOG que está tendo mais de 500 visitas por dia entre em contato com o
BLOG DO FELIPE.

È necessário uma conta no pagseguro para efetuar o pagamento ou por deposito bancario.

segue dados aqui:



Banco - 237
(Bradesco)
Agência - 0325
Conta Poupança - 0113585- 6


Itaú

Agência- 8237

Conta- 1539 - 0

Nome - Andre Felipe Idiarte


o valor é R$ 5,00 Reais cada semana, se alguem estiver interessado entre em contato com meu e-mail :

john18lennon@gmail.com

Contribua você Também... Ajude o blog a Permanecer Online!!

PEQUISAR

MURAL de RECADOS

FELIPE CULT Headline Animator